quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Na corda bamba



Tenho noção que vivo na corda bamba...
Tento me equilibrar de um lado para o outro por vezes tento me encontrar...
 De um lado a outro da ponta da corda bamba, eu continuo, sigo o seu traçado, tentando equilibrar-me para não cair.
Às vezes ainda penso que talvez seja um delírio meu e tudo volte ao lugar...Mas cada dia que passa,já não sinto aquela necessidade tão pulsante em mim, aquela que nos faz não conseguir raciocinar direito o que é certo e o que é errado.
Deixo-me apenas pernanecer andando de um lado para o outro..inquietamente a balançar....tentando me equilibrar.
Ás vezes sinto vazio.... sinto falta de momentos.
De certas sensações.
 Mas, como são momentos, eles serão sempre passageiros, e de passagem eles passam e se vão. Deixando rastros que ficam na memória fotográfica, registrados, quase que, como uma tatuagem.
Sempre existiram vazios entre nós....vazios preenchidos pelo silencio ensurdecedor do tempo....
E eu...viciei-me nesta corda bamba,onde me equilibro...tentando não cair e deixando apenas meu corpo balançar.



17 comentários:

BlueAngel disse...

"E eu...viciei-me nesta corda bamba,onde me equilibro"...
eu também...
:*

Secreta disse...

Uma corda bamba na qual nos equilibramos...dia após dia... entre bons e maus momentos.

Sus disse...

Uma verdadeira vida equilibrista... :P
Tenta outra posição como eu, quem sabe ajuda: http://suspiros-daalma.blogspot.com/2011/02/balance-for-tonight.html

Beijinhos

Sonhadora disse...

Minha querida

Ao ler o teu texto...chorei...chorei por mim...chorei por todas as mulheres que vivem nessa corda bamba...que não conseguem sair.
Como eu desejava ter momentos...ser mulher plena...enfim como desejava viver, e como as tuas palavras me descrevem.

Deixo-te o meu beijinho carinhoso
Sonhadora

olhar disse...

Bárbaro...bárbaro o que escreveu aqui...
e p equilíbrio é uma de minhas metas...

beijos,

Bia

Impossible-not-fall disse...

Minha querida, não és apenas tu que vives nessa corda bamba, todos nós vivemos, uns mais, outros menos, mas certamente por lá todos passamos...

Palavras mágicas as suas....

Beijo

Fê-blue bird disse...

Minha querida:

Acho que todas vivemos um pouco assim, o desafio está no equilíbrio que umas têm outras não.
Está em nós balançar e não cair.
Cada vez escreves melhor, sinto muito prazer em ler-te.

Beijinhos

Jacarée disse...

A corda bamba do amor balança sem dó nem piedade. A cada instante perde-se o equilibrio nas manobras malabarismtas...nos momentos inquietamententes a adrenalina sobe e as vertigens pesam na balança.
Força e esperança a bonença vai chegar.
Bjs em seu coração.

maria teresa disse...

Eu também, por vezes, sinto-me a caminhar numa corda bamba...mas ainda vou tendo forças para ir saltando para o chão...
Abracinho meu

Lynce disse...

Não é um exclusivo teu viver na corda bamba, todos nós vivemos, a diferença está em encontrar ou não o nosso ponto de equilibrio.
Beijinhos, minha virtualissíma amiga!
:)))

Lu Nogfer disse...

Querida e doce amiga!

Esta é a corda bamba da vida que tentamos todo tempo nos equilibrar e temos momentos equietantes "mas como sao momentos eles sao passageiros"

PS:Sorry pela ausencia!
Ando fazendo um trabalho voluntario que tem encolhido meu tempo mas é por uma boa causa!

Beijos com carinho!

Secreta disse...

Olá! Venho desejar-te um bom fim de semana.

A.S. disse...

As mais belas flores nascem junto aos abismos!!!


Beijos,
AL

Tatá disse...

me encontro em uma corda parecida já faz um tempo. :/ logo, te entendo.

saudade disse...

Quem não passa pela corda bamba?????
Que consigas sempre encontrar o equilibrio...
Beijo
Saudade

kirah disse...

corda bamba que nunca tem fim, o que vale é tentar não cair...

Anónimo disse...

http://prixviagrageneriquefrance.net/ viagra prix
http://commanderviagragenerique.net/ acheter viagra
http://viagracomprargenericoespana.net/ viagra generico
http://acquistareviagragenericoitalia.net/ costo viagra