sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Love is the only Rule



Havia regras!!!

Apenas e somente impostas por ti e a ti mesmo.
Xeque mate!!!

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Apanha-me se puderes!


Hoje sou pena de passaro,que voa da tua mão com o vento.
Hoje sou teu cristal bonito, que se quebra no chão.
Hoje sou sonho, que não consegues lembrar.
Hoje sou vaga de mar,que te sacode do lugar.
Hoje sou poema desfeito, que um dia te entrou no peito.
Hoje sou chuva forte, que te molha e te esfria a alma.
Hoje sou nuvem negra,que assombra este teu céu.
Hoje serei aquilo que desejas e não consegues alcançar.
Hoje serei Eu correndo frenéticamente...
Afastando-me de ti....
Apanha-me se puderes!

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Quando voltarás?



"Agora tenho de ir,mas isso nunca apagará o que existe entre nós..."
Ultimas palavras-inaudiveis-murmuradas por Bill Murray a Scarlett Johansson no filme
O Amor é um lugar Estranho de Sofia Coppola.

terça-feira, 24 de novembro de 2009

História V


O barco acabava agora de sair do porto e vogava agora em boa velocidade sobre as aguas do Sado.Com suas linhas elegantes,o pequeno iate furava a neblina no rasto dos ferries que faziam a ligação Setubal e Troia.
As finas camadas de nuvens que desfilavam diante do sol criavam uma luminosidade algo irreal.
Apoiada no parapeito de aço inoxidavél que cercava a ponte do barco,Susana olhava como que hipnotizada a linha do horizonte.
Sentia-se cansada de tanta luta travada,ao longo dos anos,triste com o vincar dos tempos em seu rosto e sentia-se magoada e ferida com as vicissitudes da vida.
O seu olhar não era mais como dantes...perdera o brilho de alguns anos atraz...mas era a minha amiga.A mesma amiga de tantos anos que ali estava em presença ,pois o seu espirito esse vagueva, não sei por onde.
De longe fiquei contemplando-a...e pensando no que podia fazer para a ajudar...como era dificil...apenas lhe podia dár o meu apoio,e isso só eu sei que não chegava.
Susana,era uma Mulher forte e poderosa,mas ao mesmo tempo apesar de não o demonstrar era fragil e fraca,mas eu conhecia-a bem demais.Mesmo naqueles momentos que ria as gargalhadas,eu sabia que ela acabaria por se retirar logo a seguir ,pois as lagrimas vinham encher os seus olhos e então ela disfrarcava sempre para que nnguem notasse tal facto.
Tomara a decisão errada á muitos anos atraz e agora cansada e posta de lado pela vida sentiasse perdida,sem saber por onde poder começar.
Casarasse sem amor,apenas para fugir a uma realidade obstinada de sua mãe.Para ter a sua propia liberdade,ao menos isso tinha conseguido.
Mas por outro lado aquela história que contam, sobre que o Amor vai crescando á medida que duas pessoas vão partilhando uma vida,não era verdade,tinha sido uma mera afirmação sem fundamento.Na realidade não fora assim...
"Quando não se ama,nunca se vai amar..."costumava dizer Susana em ar de brincadeira.
Senti-me inutil naquele instante em que vi o corpo de Susana encostada naquele pedaço do barco...seus cabelos negros esvoaçando ao vento.
Sei que perdera os melhores anos de sua vida,em busca de algo que nunca encontrara,sei que se sentira usada profissionalmente,pois quando já não precisaram dela,dispensaram-na.
Susana nunca podera estudar muito ,pois seus pais divorciaram-se e ao escolher viver com sua mãe, arranjara uma guerra sagrenta com seu pai.Sei que foram tempos muitos dificeis e doloridos em sua vida.Com a passagem dos anos e essistencia de sua mãe,pai e filha, voltaram a se falar e ele prometera-lhe um futuro melhor se fosse trabalhar a seu lado para tomar conta daquilo que um dia seria dela....mentiras tudo uma proção de mentiras...pobre Susana...fora iludida...dispensada.
Agora estava dependente do marido que já não mais suportava viver e sem prespectivas no seu futuro...isso corroía por dentro e eu bem sabia disso mas que poderia eu fazer....sentia-me de mãos atadas cada vez que olhava o seu vulto ,que á longos minutos não se mexiam do sitio...
Que se passaria dentro da cabeça de Susana naquele momento?Questionava-me.
Com a cara batida pelo vento,Susana atravessava aquele rio com a esperança que nunca mais acabasse.
Tinha frio e sentia-se esgotada,frágil como um ramo de arvore,quebradiça como um pau de giz.Sobretudo estava dominada pelo medo.Medo de nunca mais conseguir alcançar os seus sonhos.Medo de não ter armas para enfrentar a realidade cruel.Medo de estar em ruptura e de não ser capaz de controlar nada.
Susana em boa verdade,naquele instante sentia-se tão vaziae tão cansada que tinha a impressão de que já estava morta.Nos seus delirios morbidos,muitas vezes se interrogou sobre o que sentiriam,a meio da queda,os que se lançavam pelas janelas.
A ultima gota de vida terá um sabor especial,antes do nada e da morte?
Chamei Susana para a fazer acordar para aquele dia maravilhoso onde o céu agora se tornara alaranjado.
"Vem... daqui deste lado temos dois golfinhos a nos dár as boas vindas...."
E assim distrai Susana daqueles pensamentos secretos que certamente não a levariam a lugar algum.....


sábado, 21 de novembro de 2009

Parabens minha filha adorada!!!



Como é bom recordar,aquele manhã...
Em que o sol brilhava antes de ser dia...
E a brisa passeava como se quisesse-nos acariciar...
Lembras-te meu bem...?
Foi curta a demora para nos podermos conhecer.
É verdade!Bastou um simples olhar,e algo aconteceu entre nós.
Sabes?Se alguem me preguntasse;
"O que é o Amor?"
Eu não saberia responder sem utilizar o teu nome
E revelar o que vivemos... todos os nossos momentos.
É algo que vamos construindo juntas,dia a dia.
É tudo isto e muito mais,o que quero
dizer-te hoje...
E desejar que o nosso Amor seja sempre sincero
E que não se canse de crescar ainda mais.
Neste dia tão especial...
Para ti....com muito Amor...
PARABÊNS minha amada filha!!!



quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Tentei



Tentei...
Acredita que tentei....
Mas de que vale tentar....se a realidade, não era essa...
Dizem que Deus coloca no nosso caminho....mas para quê?
Se na verdade...não era para ser assim....

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Anuência




Imagino-me num navio...
Ao leme duma viagem em terra que se rende a este mar.
O oceano persegue o meu olhar,enquanto a maresia ofusca os meus sentimentos e estremece-me a alma...
Esta história conta-se ao ritmo das ondas rebeldes,com a anuência das rochas veteranas.
E vou comandando um destino que embarca em fantasias e mera ilusão....

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Nada sei...



Não sei ....
Não sei se ...cheguei...
Não sei...
Não sei se.... parti....

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Reflexão



Hoje de manha quando abri meu mail,uma amiga minha que me inunda de mails girissimos outros nem por isso,mas ok...tás desculpada,bem sabes disso!Enviou-me este que nunca o tinha lido e como achei-o tão bonito ,interessante e verdadeiro resolvi,colocá-lo aqui para que todos nós possamos reflectir um pouco....
Porque será que há coisas que vêm no tempo certo....e naquele dia que realmente precisamos de ler uma coisa assim para assimilarmos que verdadeiramente é mesmo assim....tão Simples!
MAYONESE E CAFÉ

Quando as coisas na vida parecem demasiado, quando 24 horas por dia
não são suficientes...Lembra-te do frasco de mayonese e do café.

Um professor, durante a sua aula de filosofia sem dizer uma palavra, pega num frasco de mayonese e esvazia-o...tirou a mayonese e encheu-o com bolas de golf.
A seguir perguntou aos alunos se o Frasco estava cheio. Os estudantes responderam sim.
Então o professor pega numa caixa cheia de Caricas e mete-as no frasco de mayonese. As Caricas encheram os espaços vazios entre as bolas de golf.
O professor voltou a perguntar aos alunos se o frasco estava cheio, e eles voltaram a dizer que sim.
Então...o professor pegou noutra caixa...uma caixa cheia de areia e esvaziou-a para dentro do frasco de mayonese. Claro que a areia encheu todos os espaços vazios e uma vez mais o pofessor voltou a perguntar se o frasco estava cheio. Nesta ocasião os estudantes responderam em unânime "Sim !".
De seguida o professor acrescentou 2 taças de café ao frasco e claro que o café preencheu todos os espaços vazios entre a areia. Os estudantes nesta ocasião começaram a rir-se...mas repararam que o professor estava sério e disse-lhes:

'QUERO QUE SE DÊEM CONTA QUE ESTE FRASCO REPRESENTA

"A VIDA".
As bolas de golf são as coisas Importantes:
como a familia, os filhos, a saúde, os amigos, tudo o que te apaixona.
São coisas, que mesmo que se perdesemos tudo o resto, nossas vidas continuariam cheias.

As caricas são as outras coisas
que importam como: o trabalho, a casa, o carro, etc.

A areia é tudo o demais,
as pequenas coisas.
'Se pomos 1º a areia no frasco, não haveria espaço para as caricas nem para as bolas de golf.

O mesmo acontece com a vida'.
Se gastássemos todo o nosso tempo e energia nas coisas pequenas, nunca teríamos lugar para as coisas realmente importantes.
Presta atenção às coisas que são cruciais para a tua Felicidade.

Brinca ensinando os teus filhos,
Arranja tempo para ires ao médico,
Namora e vai com a tua/teu namorado/marido/mulher jantar fora,
Pratica o teu desporto ou hobbie favorito.

Haverá sempre tempo para limpar a casa e reparar as canalizações
Ocupa-te das bolas de golf 1º, das coisas que realmente importam.
Estabelece as tuas prioridades, o resto é só areia...

Um dos estudantes levantou a mão e perguntou o que representava o café.
O professor sorriu e disse:

"...o café é só para vos demonstrar, que não importa o quanto a vossa vida esteja ocupada,sempre haverá espaço para um café com um amigo. "


quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Nas nuvens.....só por hoje.....



Eram fofas e macias...

Eram como algodão...
Senti borboletas na barriga
Como senti outrora ...
Hoje caminhei nas nuvens de mão dada contigo e senti-me tão bem que nem consigo explicar-me melhor...Foi bom ter-te de novo,olhar ...nos olhos verdes teus e nesse brilho ,vêr refletido....o meu Eu!!!
 


quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Fogo que arde sem se vêr



Tivemos tempo...oportunidade...tudo a nosso favor...
Sede!
Vontade!
Desejo!
Desprediça-mos...ausentámo-nos....perdemos...
Olhares!
Beijos!
Prazeres!
Encontros!
Estamos presentes,embora sempre ausentes, da nossa propia, presença.
Dificuldades!
Contratempos!
Desencontros no tempo....

Tudo acabará por se apagar.
Sem ter tempo de recomeçar...
E em nós viverá a recordação,do fogo que ardeu... na fogueira da paixão.



terça-feira, 10 de novembro de 2009

Perdão

Perdoa-me....


Nunca conseguirei...abraçar, felicidade....num caminho onde existem para sempre feridas abertas....
Perdoa-me....

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Intrevalo entre limites





"A história de coragem e determinação de uma Mulher,que no vazio das suas memorias que ficaram no intrevalo entre limites da vida, volta mais forte e resistente..."


«Naquele dia em que o sol se escondia por detras das nuvens e o vento soprava leve,arrastou consigo um troille de criança numa mão e noutra trazia aquele urso de peluche que sempre a acompanhava pela vida,até o dia em que seu fim não faria mais sentido de o ser.
Sentou-se de frente para o mar.
Ainda não era Inverno,mas as ondas já á algum tempo se tinham tornado donas daquela praia,assustando com a sua força e o ensurdessedor barulho da rebentação.
Inês...de olhar vidrado,nem se aprecebera daquele estrondo que por vezes a arrepiava....
Encontrava-se no vazio de um intrevalo.
Não tinha memorias de sua infancia,apenas flash que se apoderavam de si de vez em quando...já nem tinha a certeza de serem memorias ou mera imaginação.
Aquele troille que trazia consigo era a certeza que tinha que permanece aqui neste tempo,neste espaço...alguem esperava todos os dias por ela,alguem a amava incondicionalmente...alguem a agarrava á vida.
E deixou-se ficar inerte olhando o mar enquanto o pensamento ,esse distanciava-se no horizonte...abalado pelo passado.
Ultimamente a falta de lembranças da sua infancia pertubava-a imenso.Deixava-a dermente da vida com se não existisse.
Apenas tem vincado na mente os seus dez anos e por aí em diante.E o antes?Onde ficou?
Esquecido pelo trauma....(...)»

Comecei  um desejo guardado por muito tempo dentro de mim.
Estou a escrever um livro.
Aqui ficará apenas um trecho,do primeiro capitulo.


sexta-feira, 6 de novembro de 2009

(...)



(...)
Quanto mais fecho os olhos melhor vejo;

o dia todo vi coisas vulgares;
mas quando durmo em sonho te revejo;
pondo no escuro luzes estrelares;
tu, cuja sombra faz brilhar as sombras;
pois tanto brilho no negror produzes?
Como podem meus olhos abençoados;
assim te ver brilhar em pleno dia;
quando na noite escura deslumbrados;
dentro de fundo sono eu já te via?
Meu dia é noite quando estás ausente;
e a noite eu vejo o sol se estás presente."
(...)
William Shakespeare

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Make a wish!!!



Sempre que vejo o desenho de um traço de avião no céu,recordo os tempos de escola...,duma coleguinha que eu tinha.Paula.
Quando Paula via esse traço no céu,onde quer que ela estivesse,parava e dizia-me com uma alegria estampada no olhar e no rosto"Pede um desejo!",e como vibrava ao faze-lo...
Num desses dias,depois daquela vibração contagiante,confessou-me que nunca tinha concretizado nenhum desejo,a sua expressão transformou-se,o seu olhar ficou triste,mas logo de seguida me disse que os desejos não se podem dizer a ninguem,se não,não se concretizam....e assim continuamos o nosso caminho.
Nos dias de hoje,confesso que adquiri esse vicio ou esse hábito,como lhe queiram chamar.
Quando vejo um traço de avião no céu,lá estou eu a pedir um desejo...
Hoje em dia com o trafego aereo existente,tornasse dificil ter tantos desejos a pedir durante o dia....ahahahahah.
Por vezes logo de seguida questiono-me porque o faço.Será que valerá a pena?Será que eles se realizam mesmo?
Acredito que sim.
Bem confesso que nunca pedi para me sair o Euromilhões....aí acreditaria que nunca se realizaria o meu desejo!!!
Se no nosso pedir,pedirmos sempre aquilo que sabemos á partida que não é alcansavél,claro que torna este hábito engraçado sem graça nenhuma....
O que peço?Hummmm.....não posso dizer...se não... não se concretizam!!!!
Mas normalmente não peço nada de especial,tenho por norma pedir que continue a ter o que tive até hoje.
Por isso nunca tive muito mais.....ahahahahahaah.
Existe algo que eu desejo,mas sei que se o pedir vou ficar eternamente á espera....só se encontra essea realidade,nos livros das histórias de encantar....apenas para nos encantar....o nome já diz tudo!!!
Mas vou continuar olhando o céu e quando vir um traço de avião vou continuar desejando os meus desejos,talvez possiveis de se realizarem um dia....

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Solidariedade-Operação Nariz Vermelho





Ontem com todas as ofertas que Daniel Lobinho (http://sairdaspalavras.blogspot.com/) me fez,tambem existia um apelo a solidariedade de todos nós e por uma causa muito justa e necessaria.
Daniel fez-me recordar um  mau momento, que passei á um ano tras,mais ou menos.
Mas primeiro passo a vos explicar o que é a Operação Nariz Vermelho      
       http://www.narizvermelho.pt/
Este retrato em desenho que fiz,  partiu do apelo de Daniel que por sua vez, vem do desafio do Luis Gonçalves Ferreira instiga a que na web, nas diferentes redes sociais (twitter, facebook, hi5, blogs) divulguemos a Operação Nariz Vermelho. A contribuição permite que continuemos a partilhar alegria, sorrisos e solidariedade com as crianças hospitalizadas sendo várias as formas de ajudar: fazer-se sócio da organização ou comprar narizes vermelhos para oferecer – 2€ cada e ainda por dar azo à imaginação e contribuir de forma criativa, por exemplo, oferecer os narizes da Operação Nariz Vermelho em festas de aniversário, aos convidados num casamento, no Natal, etc. Ou simplesmente ligar para o número 760 305 305 que já estão a ajudar. Como sinto que aqui a magia em parte tem muito a haver com não nos conhecermos fisicamente e podermos nos imaginar criei estae retrato em desenho animado.É que, no repto, o Luis colocou regras (como se pode ler no blog), a saber:
"Tirem uma fotografia (de preferência pessoal) com um sorriso e um nariz de palhaço no rosto (pintem-no, façam montagem, mas empalhacem-se);
Publiquem essa foto, juntamente com o número de telefone da causa. Peçam para que liguem para o número e ajudem. Afinal é essa a contribuição que a Operação nos pede;
Entreguem o desafio a alguns blogues, notificando-os devidamente;
Paralelamente, deixem o desafio aberto à restante comunidade das redes sociais. Com uma foto podemos levar isto ao Facebook, Hi5, Twitter... Até onde a solidariedade de cada um permitir."
O Daniel já o fez á sua maneira e eu a minha....

Agora passo a vos contar;
Á mais ou menos um ano atras,vivi o maior susto e angustia da minha vida,com minha amada filhota , na altura tinha apenas quatro aninhos a caminho dos cinco.
Esteve internada durante uma semana com uma meningite viral(graças a Deus que foi viral)
Que não é das piores mas sinceramente o susto e o panico de não se saber logo se é viral ou não, até o determinado exame que é feito;uma Punção Lombar,é pavoroso.
A noite em claro que passei com ela ,completamente prustada, inerte e quase inconsciente,na clinica,só eu mesma sei como foi.
As lágrimas que correram no meu rosto naquela noite,no internamento das urgencias, em que quase inconsciente ainda me pediu colo e a vontade lhe fiz,até que uma enfermeira ma retirou dizendo que não poderia estar assim,melhor seria estar deitada na cama.
Tenho consciencia que apartir daquele dia,não mais derramei lagrimas em vão....por causas menores.
Mas tudo se compôs e lembro que quando ficou melhor e já sorria ,no quarto da clinica foi visitada um dia por um grupo de medicos mascarados de palhaços com aqueles narizes vermelhos(não eram certamente os da operação narizes vermelhos,pois não fazem trabalho naquela clinica,mas tentam á sua maneira transmitir o mesmo) que entrenecem as crianças e as fazem sorrir com alegria e satisfação.Por momentos conseguem delas e de nós pais,afastar os medos,os sustos,os desesperos e tantas coisas mais...
Sinceramente penso muitas vezes no sofrimento das crianças doentes e seus pais,que passam tanto tempo e tantas angustias num hospital qualquer.
Ajudem....não custa nem doi nada!!!!
Feita a minha parte, apelo a todos que acolham este desafio. Obrigada!!!


terça-feira, 3 de novembro de 2009

Selos,Desafios e muitos Mimos


Hoje vou agradecer a todos os meus amigos que me presentearam com miminhos que tanto gosto.Charlotte( http://charlotteguiding-star.blogspot.com/) e a Daniel lobinho (http://sairdaspalavras.blogspot.com/ ) Que á tempos tambem o fez.E o significado dado pela pessoa que o fez  é: "A imagem lá em cima é um gatafunho meu. Um auto-retrato figurado de como o Gato abraça: com dois braços tão grandes tão mas tão grandes, capazes de engolfar o mundo, e um coração que não cabe lá dentro". (http://o-gato-do-castelo.blogspot.com/)
O desafio consiste em responder a estas perguntas e partilhar o abraço com pelo menos 5 blogues que acompanho.Como é obvio,vou partilhar este abraço com TODOS que me visitam e me são queridos,sintam-se abraçados por mim!Levem-no é vosso se quiserem.

1 – Quem mais gostas de abraçar no presente?
2 – Quem nunca abraçarias?
3 – Quem davas tudo para poder abraçar?

Vou passar as respeonder ás preguntas;

1-No presente quem mais gosto de abraçar é a minha filhota,mas sem duvida que um abraço sincero e honesto eu não nego a ninguem.
2-Nunca abraçaria niguêm, que não desejasse ser abraçado!!!
3-Bemmmmmmmmmmm....isso aí não posso dizer expecificamente,mas certamente vos digo que, alguêm que neste momento tambem deseja o meu abraço e a distancia não premite.



 Se hoje foi carinhosamente oferecido pelo Daniel Lobinho e pela minha querida Charlotte,tambem já a KiKa mo tinha feito, aos tres o meu obrigada.
Deixo-o aqui para os meus amigos, que ainda não o tenham a enfeitar o vosso blog,pois certamente é bem merecido a TODOS vós, uma vez mais.-
 Escrever uma lista com 8 caracteristicas
- Convidar 8 bloggers para receber o selo
- Comentar no blog de quem lhe deu o selo
- Comentar no blog de quem escolheu.

Leal
Directa
Optimista
Determinada
Lutadora
Emotiva
Romantica
Teimosa
Não seria certo só referenciar qualidades!!!!


Ainda o  Daniel Lobinho(Sair das Palavras)ofereceu-me este prémio das cinco revelações que vai igualmente para todos vós, mas obriga a completar estas frases: a) Eu já ... b) Eu nunca … c) Eu sei ... d) Eu quero … e) Eu sonho … Sinceramente não vou oferece-lo em particular a ninguem pelo simples motivo que existe pessoas e com todo o meu respeito não ligam para estas postagens.Então fica combinado como sempre quem o desejar leva-o para o seu maravilhoso cantigo!
Agora vou completar as frases,mas sem pensar muito;
a)Eu já fui hipnotizada!!!
b)Eu nunca faria nudismo numa praia publica!!!
c)Eu sei que voces vão rir certamente com estas respostas!!!
d)Eu quero encontrar uma lamparina magica e poder pedir tres desejos concretisáveis!!!
e)Eu sonho imenso e todas as noites.E quase sempre recordos os sonhos que tenho!!!



Este selinho tem por finalidade distinguir, e passo a citar, «Blogs que, além da assiduidade das postagens e do esmero com que são feitos, nos provocam a necessidade de reflectir, questionar, aprender e – sobretudo – que instigam almas e mentes à procura de conhecimento e sabedoria.»
A todos que leio e visito é merecido,pois em todos vós eu encontro tudo o que aqui é referido.Portanto estejam á vontade de leva-lo para vós.

E agora uma ultima palavra minha....ai,ai,ai que me estão a habituar muito mal com tantos miminhos....depois não digam que não os avisei!!!!
Uma vez mais o meu obrigada a todos,principalmente por aquilo que eu mais aprecio,pela sincera dedicação e amizade de todos.
Um bjinho cheio de luar em todos vós e que sorte a vossa hoje....levam um bjinho enorme pois é noite de Lua Cheia!!!!



segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Resumo de uma longa historia



Existem grandes historias,historias compridas,que se podem resumir, em tão poucas palavras... Num discurso. Num desabafo. Numa simples conversa. Num escutar,sem que nos vejam... Ele dizia... "Vejam do meu ponto de vista... Esta rapariga criou-me praticamente. Eu tinha uma ano de idade e ela dez...quando tudo se começou a desmoronar.
Nessa idade ela devia ser uma criança,não criar-me.
Ela ensinou-me a ler.
 Ela ensinou-me a andar de bicicleta.
 E lixava todos aqueles que se metiam no meu caminho e me chateavam.
 Ela sempre dizia«David eu estou aqui para te proteger e defender
Enquanto eu podia ser um bom menino,ela não podia.
Pode vos parecer lamechas...mas é assim que na realidade o foi.
Ela tem o seu feitio propio,por vezes tornasse uma pessoa seca.Mas é parte da minha familia. E contra tudo e contra todos,somos os melhores para cada um de nós.
 Eu gosto dela e desde que viva,acredito que ela pode mudar...porque ela é a minha irmã mais velha."