sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

História XI



Catarina deixou seus pés sentirem a textura da areia húmida.
 Dirigiu-se ao sabor da leve brisa até a beira do mar.
 Parecia estar apenas ela, o seu corpo, o seu espírito, sozinha....
 Era uma boa altura, um bom dia para libertar todos os seus pensamentos, poder viajar por todos os seus sonhos perdidos e remotos...
 Deixar fluir todos os sentimentos acumulados...
A água salgada embatia-lhe nos pés, num vai e vem desconhecido.
 Agora a brisa que a embalou, beijava-lhe a face e afastava toda a mágoa.
Naquele momento tudo parecia irreal..
Esperava-o...sem saber quem era.
Esperava-o...com a certeza de já o conhecer á tanto tempo.
Esperava-o ...
Simplesmente, esperava-o...
Quando chegou,trazia no rosto o sorriso envergonhado,
Quando chegou trazia no olhar,os raios de sol espelhados no mar de côr verde.
Simplesmente, chegou...
As horas transformaram-se em relogios parados.Em minutos infinitos.
E ela foi feliz em cada encontro que usufruiram.Embora tenham sido poucos.
Quando ela partiu sem o dizer,deixou com ele  uma parte do seu coração,da sua vida.
Catarina soube defenir o reencontro,ela sabia do que se tratava,Mas nunca lho disse.
Até que chegou um dia em que Catarina sabia que seria o ultimo e despediu-se sem nada dizer.Um grande sorriso,um olhar radiante e um beijo selaram o adeus.
 Catarina sempre soube que ele não tinha vindo  para ficar.
Sempre soube que fora apenas um reencontro.
Um reencontro de almas.




13 comentários:

maria teresa disse...

Só me apetece suspirar depois de ler o que li.
Como o mar inspira as pessoas com poesia na alma!
Abracinho meu!

Sus disse...

Simplesmente linto!

Beijos de bom fds

A Palavra Mágica disse...

Catarina e seua amores:

Que bom ler mais um momento feliz!

Beijos!
Alcides

PS. Em breve te mando algo.

Impossible-not-fall disse...

Moonlight...

Com tu mesmo dizes "um reencontro de almas"

Nada mais posso acescentar...
É bom ler-te!

Optimo fim-de-semana.

Beijo

Anónimo disse...

Almas se encontram, Luar
são encontros causais, nada mais


Meri

Fê-blue bird disse...

Minha querida:
Emocionei-me ao ler este teu excelente texto, emocionei-me porque passei por algo semelhante e nunca esqueci.
Um reencontro de almas fica gravado em nós para sempre!

beijinhos

A.S. disse...

Após uma ausência, o reencontro é sempre mais intenso...

Beijos!
AL

lynce disse...

Por vezes, basta um simples reencontro para que antigas sensações explodam no peito.
Beijinhos e bom fim de semana!
:)))

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

O que dizer diante
de tão intensas palavras?
O reencontro de almas
é a definição perfeita
para o encontro.
Quem existe em nós,
já era parte de nossa história
muito antes de nossa existência.

Que as cores da alegria
estejam sempre em tua vida.

segredo disse...

e no final fica o sabor amargo do adeus k tanto doi...

Beijinho de lua*.*

Secreta disse...

Por vezes é mesmo assim... sabemos que as pessoas não ficam para sempre...
Beijito.

*lady M. disse...

Ai que lindooo! Isso fez-me lembrar algo que passou...
Senti saudades daqui!
Adoro seu cantinho iluminado!

Beijos! ...

Sonhadora disse...

Minha querida

As lágrimas estão a cair...porque o teu texto falou tanto de mim.
Não tenho palavras...apenas as sinto no teu texto.

Beijinho com carinho
Sonhadora