segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Esquecido



Ela fintou-o com o olhar...
Nem sempre deixava que lhe vissem o coração...

Conseguiu enfrentar as mudanças...
A maior parte das vezes...sosinha.
Cultivando estrelas que não podia tocar...
E quando ele perguntou o que ela sentia.

Ela não sabia... se ele esperava grandes respostas...
Mas ela pegou na sua mão e disse que o queria pra sempre ali...
e como se não existisse ninguem como ele no mundo,

Ele prometeu nunca dizer adeus.

Mas ele apenas esqueceu...
  .... das estrelas que lhe prometeu, ir buscar....



9 comentários:

Vento disse...

Querida Moon

Não podemos prometer o que não sabemos se podemos cumprir.

Belas palavras

Beijo

Sammael the Morning Star disse...

há gente com memória curta,,,,


bj

ps_: mas acho que é o mal de todos nós...

Angel in the dark disse...

Moon,
Tristemente belo!
Beijito

Lua Nova disse...

Promessas são compromissos firmados em páginas em branco do futuro... como saber se as poderemos cumprir? Não devemos fazê-las e muito menos acreditar nelas... Mas como, não é?
Moonzinha... vc está escrevendo cada vez melhor.
Beijokas.

Dark angel disse...

Não acredito que isto não tenha continuação... porque prefiro achar que não terminou assim.

Muito obrigada pelo carinho no meu cantinho, de coração :)*

segredo disse...

"promessas leva as o vento..."

Beijinho de lua*.*

Diana Carla disse...

não sabemos como sera nosso futuro por isso nao devemos fazer promessas...

poema lindo...

bjinhus no coração

Isa disse...

Podemos sim, prometer aquilo que sentimos, só não sabemos se é para sempre.
Mas de uma coisa eu tenho a certeza o amor tem que ser verdadeiro.

Adorei o teu triste poema e obrigado.

Isa

Fê-blue bird disse...

Minha querida
Este texto tem uma profundidade tocante, são palavras de alguém que as viveu.
Nunca ames quem não te pode dar as estrelas.

Beijinhos

Ps hoje há festa no meu blogue, estás convidada ;-)