terça-feira, 8 de junho de 2010

Felicidade em koma

O que é o coma?


A palavra coma vem da palavra grega koma, que significa "estado de dormir." Mas estar em coma não é o mesmo que estar a dormir. Nós podemos acordar uma pessoa que está a dormir ao falar com ela ou simplesmente encostando-nos a ela. O mesmo não é verdadeiro para o paciente em coma, que está vivo e respira, mas tão inconscientemente que não pode responder a qualquer estímulo (como dor ou o som de uma voz) ou fazer nenhum movimento voluntário. O cérebro ainda está funcionando, mas em seu nível mais básico. Para entender isso, antes precisamos rever as partes do cérebro e como elas funcionam.
Este é tipico coma que conhecemos ou nos habituamos a ouvir falar.
E o outro tipo de coma?Aquele koma da palavra grega?
O que é o outro tipo de koma que certas pessoas vivem,hoje em dia...?
O koma da felicidade.
O fingir que se é feliz ou pior que isso, simplesmente desistir da felicidade.
-Felicidade em koma.
-Relacionamentos em koma.
-Empregos em koma.
-Casamentos em koma.
Enfim um vida inteita em koma.
Baixa-se os braços,atira-se a toalha ao chão e desiste-se simplesmente de ser feliz.
Isto não será parecido ao koma...?
Existem em cada caso várias razões para se desistir da felicidade....ser-se infeliz.Passar a viver em koma.
Primeiro quando as coisas aparecem do nada acha-se que é passageiro,depois a pouco e pouco tentamos mudar, o outro ou nós propios e aí vêm a chamada frustação.
 Frustação porque ao fim de um tempo assistimos de primeira fila que tudo foi em vão,que nós não aguentamos uma vida inteira de, faz de conta.
Geram-se discussões.Outras vezes simplesmente se instala o silêncio.Apenas e somente o silêncio.Mesmo que se tente dialogar do outro lado só se escuta o silêncio.
Passados anos.... aparece o vazio.
Quando este aparece já não há volta a dár.Tudo emocionalmente se tornou um espaço frio e escuro.Onde não existe nem luz solar nem alimento para que se possa sobreviver.Morresse!
Uma morte lenta e demais dolorosa.
Interiormente tudo morre.
E o que faz com que se continue a viver em koma...?
A passividade...,o comodismo...,a situação vai-se arrastando.
Existe muito mais que um simples click,existe uma vida,várias pessoas,variadissimas situações que levam a permanecer em koma.
Será que o medo,tambem faz parte desse koma, que se vive?
Um arrepio invisivél que sobe pela espinha,só de pensar em partir para o desconhecido...?
Há quem lhe chame cobardia.
Possivélmente estará certo.
Mas por detrás de uma situação em koma, seja ela qual for existe muito mais que uma simples designação.
Existe certamente muito mais e não será certo fazer juizos de valor,com aquilo que não sabemos.
Muitas vezes designam;
"Os motivos sem motivos"
Valerá viver em koma por tempo inderterminado...?
Não seria melhor "desligar" a maquina e assistir naturalmente ao renascimento ou morte do propio...?
Neste coma que eu falo,o coma da felicidade,só nós temos o poder de o fazer....só nós propios saberemos se devemos ou podemos "desligar" ou não.
 
 
 
 

8 comentários:

Secreta disse...

Não sei se valerá... sei que me sinto assim, em koma, demasiadas vezes...
Beijito.

Fê-blue bird disse...

Um texto demasiado intenso e verdadeiro para se comentar de ânimo leve.
Vive-se em Koma muitas vezes porque não sabemos ou podemos viver de outro modo.
Somos como aquele passarinho na gaiola, que não sabe o que é a liberdade, é feliz à sua maneira porque não conhece a vida fora daquelas grades.
Voar, ser livre e viver de verdade, pode ser maravilhoso ou penoso.
Mas acho pela minha experiência de vida, que não depende só de nós essa escolha, seria demasiado fácil se assim fosse.
Um beijinho comovido

Angel in the dark disse...

Pois, esse koma de que falas é algo que às vezes se cai sem querer, desejar... mas quando se dá conta já lá estamos metidos até ao pescoço, apenas a respirar levemente, sem saber o que fazer, se desligar ou continuar a respirar!...

Mas como dizes, e bem, só cada um pode saber o que pretende, ou desligar a máquina, ou continuar no mesmo sitio!...

Arriscar não é fácil, nunca é! Mas a recompensa pode ser muito boa!...

Beijinho
Angel

lynce disse...

Adorei o teu texto, apesar de intenso, reflecte uma realidade que muitas pessoas procuram ignorar.
Contudo, existe um outro tipo de coma, o induzido ou o coma barbitúrico, e este sim, considero ser o mais grave, pois é um tipo de coma temporário provocado por uma dose controlada de drogas.
Beijinhos e parabéns pelo post.
:)))

*lua* disse...

Não seria melhor "desligar" a maquina e assistir naturalmente ao renascimento ou morte do propio...?

Amei!!!

É isso aí, condordo com tudo que disse ... é sempre importante a identificação desse "coma" assim poder fazer algo para acordar ... o duro e não saber estar em coma e deixando as coisas acontecerem todos os dias e vc "dormindo".

beijo linda Lua!!!

Impulsiva disse...

Moonlight, que texto!!!!
Quanta sabedoria e verdade, algo que atinge a tantos pelo mundo afora...e quem sabe a nós mesmas...
Perfeita reflexão!!!

É muito fácil qualquer destas coisas (relacionamento, emprego, felicidade, etc.) entrar em koma, difícil mesmo é admitir o koma, e a partir daí fazer algo para sair deste estado.

Falaste algo muito real, temos medo do desconhecido...porém, falando de mim, eu posso até chegar ao estado de koma, como disse é bem fácil, mas não me permito permanecer nele por muito tempo...enquanto houver fôlego em mim, não cruzarei os braços e nem desistirei da minha felicidade.

Excelente post, parabéns!!!

Beijos, saudades de ti,
Kenia.

segredo disse...

Minha querida amiga,
Esse é o tipo de situaçoes em k costumo dizer k as pessoas nao vivem apenas sobrevivem!
Beijinho de lua*.*

*lua* disse...

Oi minha flor do luar, obrigada por tuas palavras de conforto, de mãe para mãe né ... passando para deixar meu beijo grande!