terça-feira, 25 de agosto de 2009

Viajante...Visitante...Meu amor mais errante...


Que nesta noite escura,
Senti saudades.
Tudo me leva a pensar,
Talvez te tenhas esquecido de mim...

Foi um amor ausente,
Que nunca adormeci...
Mas neste vazio que disfarço,
Fecho os olhos e espero....

Que um dia troques o passo,
E encontres teu caminho...
Não de encontro a mim,
Mas apenas a um sonho que não tenha mais fim...


11 comentários:

Charlotte disse...

Muito bonitas estas tuas palavras.
A saudade é mesmo assim...não tem hora nem dia para chegar...ainda mais quando é de alguém especial.

Gostei da música que escolheste, apesar de preferir ouvi-la pelos Sétima Legião.

Beijinhos Moonlight

Ricardo Gonçalves disse...

As tuas palavras são belissimas, carissima moonligth se quiseres adiciona ricamerica_18@otmail.com, quanto a tua pergunta a minha amada sabe o que por ela sinto e até segue o meu blog mas a frieza dela continua, já foi minha mas por medo de se magoar preferiu deixar-me, axo que ela nao tem a noção do quanto eu a amo, mas que posso eu fazer????

bjs fofos

Pensador disse...

Errante e solitário
Lobo perdido a vagar
Entre florestas e campos
Procurando seu luar.

Nesta noite escura e fria
Sou mais presa que caçador
Perdido, coração ferido
Alvejado por seu amor.

E quando o dia amanhece
Em minha toca me abrigo
Fugindo do sol que ofusca
Guardo seu luar comigo.

Um beijo e um uivo carinhoso!

A Palavra Mágica disse...

Que este amor ausente, Moonlight, seja como estas ricas palavras de Cassiano Ricardo:

Serenata Sintética

Rua
torta.

Lua
morta.

Tua
porta.

Um beijo!
Alcides

Amiga do Cafa ( Celamar ) disse...

Lindo poema !
A saudade faz parte da gente . Dos bons momentos. E não devemos retê-la. Durante algum tempo ficarão dentro de nós.
Somos nós e nossas lembranças.
Um dia ela passa. Sempre passa. E novas saudades virão.
Beijos enluarados !

rui disse...

Moonlight....olá minha bela amiga
quero-te dar os parabens pela Musica.....há depois pelo poema e excelente imagem ........
Bem ....espero que ele troque mesmo o passo..e venha ao teu encontrooooooo
te abrace,,,beijee seja noite seja dia...que matem saudades que vibram.....mas cuidado muito cuidado......tosse... sabes o quero dizer tosse.....Descobre

obrigada por me teres comentado
um beijo do tamanho do Mundo
fica bem.......
Rui

Darkinha disse...

Oh luar...
Que saudades eu tinha das tuas palavras e das tuas visitas ao meu blog bem como os conselhos saudaveis que oferecias...

Beijo de uma pequena velha amiga...

segredo disse...

K palavras lindas e profundas!!!
Entao k esse sonho nao tenha mesmo um fim...
Beijinho de lua*.*

Pensador disse...

Querida Moonlight,

Apenas passei por aqui para deixar-lhe um beijo, um uivo e desejar-lhe um bom final de semana.

Λύκος disse...

Olá Moonlight,

quem nessa vida não seguiu errante, e desejou dos amores, o momento, ou ao menos aquele eterno instante?

Saudades é nossa alma dizendo para onde ela quer voltar, a vagar... sempre errante.

Belo poema, boa música.

Spiritual disse...

Hummm... devíamos ter cuidado onde colocamos o nosso amor... se colocamos em alguém que muda constantemente de sítio, a possibilidade de desperdício de energia é grande! :D

Felicidades!