segunda-feira, 27 de abril de 2009

Vamos ajudar!!!


Hoje vendo um pouco de televisão,não me pode passar ao lado o desespero de uma mãe,que precisa de ajuda e não tem vergonha de a pedir.

O pais inteiro disponibiliza-se sempre a ajudar os outros países,os outros povos,e nem sequer dá a devida atenção aos nossos.

Tantos peditórios para os países que nada nos ajudam e nós por cá vamos ficando sempre esquecidos.

Por isso se puderem visitem o site desta mãe,que assim como eu tem o amor da sua vida com apenas 5 aninhos e precisa de ajuda,e tudo faz para poder conseguir com mérito e simplicidade dar um pouco mais de dignidade á sua Ritinha

Não pude deixar passar ao lado,apenas dar a conhecer também já é ajudar.

Um livrinho mágico,que pode marcar a diferença...passem também a mensagem e já estariam a ajudar!

Visitem http://www.ritaeasfadas.com/ e precisem esta historia igual a tantas outras que nunca chegam a ser conhecidas.

5 comentários:

A Palavra Mágica disse...

Moonlight,

Parabéns pela iniciativa. Esse é um ato de cidadania.

Beijos!
Alcides

rui disse...

Moonlight......olha amiga
quem tem perfume de bondade es Tu
ao colocares isto....sabes vou-te contar..no canto dos meus olhos as lagrimas queriam cair..
A Ritinha.merece ter as condicoes nessessarias para ter uma vida digna....quantas Ritinhas haverá por esse Mundo fora..que merecem mais apoio dos governos... para fazerem seus tratamentos.. e terem uma qualidade de vida digna...
muitas destas criancas ao ficarem seus seus Pais ......ficam perdidas
e nessessario que o governo atraves
dos seus meios encontrem solucoes para elas.............

um obrigada pelo teu comentário
um beijo......
Rui

António disse...

Vamos ajudar!

Amiga do Cafa disse...

Não ia fazer nenhum comentário.
Ia apenas ler e comentar o post abaixo, já que não sou de Portugal.
Porém, tive curiosidade e entrei no site.
Entrei e me emocionei.
Explico : Quando nasci tive falta de oxigenação no cérebro ( catalepsia ), o que causa a paralisia cerebral.
Não tive sequela e hj , quando tenho algum problema, penso no que me aconteceu. TUDO poderia ter sido pior.
No meu caminho, principalmente no profissional, me deparei algumas vezes com mães desesperadas pedindo ajuda para os filhos com paralisia cerebral.
Bem , não cabe entrar em detalhes, mas eu os ajudava, pois sei da dificuldade que foi meu nascimento.
Enfim, nada acontece por acaso.
Bonita história.
Tomara que Ritinha seja muito abençoada.
Beijos e boa semana

Moonlight disse...

A todos, agradeco as vossas palavras de carinho, em nome da Ritinha.