sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Diz-me tu.....


"...quando se gosta de alguém temos sempre rede, nunca falha a bateria, nunca nada nos impede de nos vermos e nem de nos encontrarmos no meio de uma multidão. Quando se gosta de alguém, ouvimos sempre o telefone, a campainha da porta. lemos sempre a mensagem que nos deixaram no vidro embaciado do carro desse inverno rigoroso. Quando se gosta de alguém - e estou a escrever para os que gostam -, vamos para o local do acidente com a carta amigável, vamos ter com ela ao corredor do hospital ver como estão os pais, chamamos os bombeiros para abrirem a porta, mas nada, nada nos impede de estar juntos, porque nada nem ninguém é mais importante do que nós."

"Amar é querer. [...] e o que é o amor, se não vontade? E quando queremos muito alguém, queremos essa pessoa só para nós. Sabemos que ele nunca nos pertencerá...."

Margarida Rebelo Pinto

2 comentários:

Merchi disse...

... obrigado pela visita.

Mara Alves disse...

Como tu mesmo dizes, amar é querer, e o amor verdadeiro é a vontade, de estar, de tocar de sentir o pulsar do coração, o arrepio do corpo...